Notícias

Prefeitura faz tombamento provisório do Mercado Popular da Rocinha


Reconhecimento histórico tem como objetivo preservar a cultura e a relevância do local para o município. Foto: Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, fez nesta segunda feira, 27/07, o tombamento provisório do Mercado Popular da Rocinha, previsto no Decreto Nº 47.590. A medida histórica atende a um pedido da comunidade nordestina que vive na região e é considerada fundamental para o desenvolvimento da economia na comunidade.

— O comércio popular da Rocinha hoje recebe o reconhecimento oficial do povo do Rio de Janeiro para se tornar um monumento como é o Pão de Açúcar e como são as praias, as praças. Esse local agora está tombado provisoriamente. Hoje estamos fazendo justiça a esse povo trabalhador que lutou tanto para que esse momento acontecesse — destacou Crivella.

Os benefícios do tombamento

Por meio do tombamento, a Prefeitura busca preservar as características do local e poder salvaguardá-lo. O projeto passou por um estudo e foi analisado pelo Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH), da Secretaria Municipal de Urbanismo, e o resultado passou pelo Conselho de Patrimônio.

O projeto do Camelódromo da Rocinha, como é conhecido, foi inspirado no Mercado Ver-o-Peso, em Belém (PA), o que lhe confere relevância arquitetônica e urbanística. O Mercado Popular da Rocinha foi reconhecido internacionalmente, em 2005, ao fazer parte de uma exposição de arquitetura em Paris, na França. Na ocasião, foi feita uma homenagem à diversidade e à modernidade da cultura brasileira.


Compartilhe:

Deixe seu comentário: